Pensa em um jogo empolgante, que estimula a participação de maneira intensa e focada. Torre de papel, exercita o trabalho coletivo, Integração e contribui para o Fortalecimento do Espírito de Equipe.

Nome do Jogo: Torre de Papel

Tipo de Atividade: Team Building Clássico, Construção Coletiva, Atividade de Integração/ Fortalecimento do Espírito de Equipe

Tempo: 30-60min

Quantidade de pessoas: de 5 a 8 participantes por equipe

Materiais: papel sulfite ou jornal, fita crepe e 1 bolinha de isopor

Características: Gestão de recursos, pessoas e tarefas, estratégia, planejamento, execução, iniciativa, trabalho em equipe, liderança, criatividade, inovação, comunicação e resolução de conflitos

Objetivo do jogo: Construir a maior torre possível utilizando somente papel e fita crepe. A torre deverá sustentar-se com a bolinha de isopor no seu topo superior.

Preparação: Cada equipe receberá 40 folhas de sulfite no início do jogo.

Desenvolvimento:

  • 4 rodadas com 3min/ cada;
  • Ao início de cada rodada, os participantes receberão 2m de fita crepe;
  • Vence a equipe que construir o maior projeto, além de mantê-lo sustentado no momento de sua entrega, por pelo menos 30 segundos.

Observações e Dicas:

  • Por tratar-se de uma atividade com característica clássica de Team Building/ construção coletiva, este jogo permite adicionar regras para a entrega de materiais, utilização de outros insumos, pontuar por economia de materiais, incrementações e criação de valor;
  • Pode-se criar uma história sobre as maiores torres do mundo ou até mesmo, ludicamente, informar que eles fazem parte de empresas concorrentes do ramo de telecomunicações com sinal por antena e quem apresentar a maior maquete vencerá o processo de concorrência;
  • Utilizar música de fundo durante o desenvolvimento.

Fechamento da Atividade:

  • Estimular do grupo percepções em relação as estratégias e dinâmicas do grupo utilizadas durante todas as fases de desenvolvimento do jogo;
  • Estimular do grupo percepções e reflexões individuais, comportamentais em relação à emoção e sentimento durante o jogo;
  • Estimular a análise e comparação dos processos do jogo “Torre de Papel” à dinâmica de trabalho;
  • Amarrar com aprendizados e o que pode ser apropriado por cada um e desenvolvido para utilização no dia a dia.